Origins review. Desta vez o negativo…

Depois de experimentar 6 diferentes produtos da marca natural Origins, encontrei os “defeitos” em dois produtos sobre os quais vou falar de seguida.

A linha GinZing foi pensada para uma pele sem luminosidade, cansada e com falta de hidratação. Os seus principais ingredientes são o extracto de ginseng e o café, conhecidos pelos seus efeitos antioxidantes e energéticos. Leve à primeira vista, oil-free e com um cheiro a citrinos, o GinZing Energy-boosting moisturizer até poderia tornar-se um dos meus hidratantes de dia preferidos, não fosse a sua textura bastante peganhenta. Além disso, não deixa aplicar uma base ou um hidratante com cor por cima e não tem o SPF. Nenhum! Este hidratante só poderá ser usado naqueles dias em que ficamos em casa, ou seja sem maquilhagem e sem nos expormos ao sol😦

O seu preço aproximado numa versão de 50ml é de  30,00€.

Origins GinZing

Por sua vez, o creme de olhos GinZing Refreshing eye cream cativou-me desde o primeiro momento com a sua cor perlada, cheiro agradável e textura leve. A sua fórmula é parecida com o hidratante de rosto, contendo ainda o extracto de magnólia. Realmente senti uma sensação agradável e refrescante no contorno dos olhos pela manhã… até aplicar de seguida o concealer. A minha euforia desvaneceu-se num ápice ao retirar o dito creme (o corrector não queria espalhar-se de maneira nenhuma) e pôr o meu habitual creme de olhos da farmácia, que permite aplicar qualquer maquilhagem sem problema nenhum. Mais um produto que não me convenceu… E já nem falo de falta de protecção solar😦

O Formato de 15 ml em boião na versão original (mais um defeito a apontar) custa cerca de 30,00€.

A minha sorte é que estes dois produtos faziam parte de um coffret com o creme de noite, logo, como não paguei por eles, posso abdicar de uma futura compra que nunca iria usar!