A popularidade da Chubby Stick da Clinique incomoda muitos…

Pelos vistos, a popularidade deste bálsamo com cor da Clinique e as suas vendas milionárias deixaram muitas marcas de cosméticos invejosas. O fenómeno desta sua aceitação por parte do público feminino pode não ser bem explicado, mas a verdade é que nos últimos tempos apareceram vários “clones”, uns mais em conta que os outros, reclamando todos a sua eficácia e uma composição inovadora.

O original Chubby Stick da Clinique, aproximadamente 19,00€

Uma das primeiras marcas a propor a sua versão deste bálsamo foi a francesa Sephora.  A fórmula cremosa é algo entre um bálsamo hidratante e um gloss.

Jumbo Glossy Lip Pencil da Sephora, aproximadamente 11,00€

A marca americana de há duas décadas, a NARS, também lançou a sua versão deste produto em 3 variantes: o Velvet Matte Lip Pencil (um batom sem brilho), o Satin Lip Pencil (o batom mais cremoso de cor intensa) e o Velvet Gloss Lip Pencil (um gloss com cor). Todas estas fórmulas são isentas de sintéticos, sulfatos e parabénos e promovem uma hidratação intensa.

Velvet Gloss Lip Pencil da NARS, aproximadamente 25,00€

A textura cremosa da Urban Decay permite uma cobertura mate, sem esquecer a protecção e a hidratação de lábios, além de uma durabilidade fora de comum.

Super-Saturated High Gloss Lip Color da Urban Decay, aprox. 20,00€

Uma versão low-cost deste lápis foi ainda lançada pela italiana Kiko Make Up Milano. Contém vitamina E na sua composição, prometendo um efeito anti-envelhecimento.

Pencil Lip Gloss da KIKO, aproximadamente 4,00€

Este lápis da Dior também promete ser um sucesso de vendas. Estará disponível em 3 cores no próximo mês a um preço aproximado de 25,00€.

Jelly Lip Pen da Dior

PS: Como vêem, a oferta é muita e escolher o produto certo tem a ver com a necessidade de cada uma, bem como a disponibilidade financeira. Eu continuo achar que o lápis original da Clinique é único e, sem dúvida, dos melhores (embora ainda não tenha experimentado o da NARS e o da Urban Decay, que devem ser também muito bons).

E vocês, o que usam? Gostam de lápis de lábios ou preferem os tradicionais batons?

7 thoughts on “A popularidade da Chubby Stick da Clinique incomoda muitos…

  1. Perdão, não li os comentários, só o seu texto!
    Sim, claro que tive acesso aos produtos a que me referi, de outro modo não poderia manifestar-me. E sim, é good for me, que não necessariamente para a minha carteira.
    Por outro lado, creio que me fiz compreender mal: não estava, de todo, a menosprezar os Chubby Sticks originais, muito pelo contrário: tenho três e são dos meus preferidos quando estou sem inspiração; o que quis dizer é que as outras marcas, mesmo as baratinhas, fizeram um belíssimo serviço na arte de se “inspirarem” neles, que são pioneiros, ultrapassando-os em muitos aspectos.
    Beijinhos e boas postagens.

  2. Permita-me duas correcções.
    Em primeiro lugar, os Velvet Matte da Nars são tudo menos “um bálsamo”; são batons híper-pigmentados e mate, que duram horas a fio. Do melhor que já usei. Quatro aos Satin, são igualmente de longa duração e pigmentados, mas de textura mais cremosa. (de negativo, quanto aos Nars, só o facto de não serem rectrácteis e precisarem de ser afiados)
    Já os UD, não são nadinha mate: híper-pigmentados sim, mas super brilhantes.

    Finalmente (e já vou em três) há uma grande diferença entre os Chubby Sticks originais (imitados pela Revlon, Mua, Sopa and Glory, et caetera, marcas estas que os suplantam em termos de poder de fixação) e os Intense, e esses funcionaram ao contrário, tiveram de acompanhar marcas como a Nars e a UD, justamente porque os originais eram apenas um bálsamo (e os Intense, esses sim, são semelhantes aos Nars e UD).
    🙂

    • Desde já agradeço o tempo despendido e as correcções, as quais agradeço.
      De acordo com o meu comentário anterior, disse e repito que ainda não conheço a gama da NARS, pelo que a informação que publiquei foi recolhida do site oficial da marca e nem sempre uma simples descrição escrita corresponde a um feedback de quem já experimentou o produto. Percebi que tens acesso a esta marca e já tiveste oportunidade de a experimentar. Good for you!
      No que diz respeito ao Chubby Stick (o original), quer queiramos quer não, este é dos produtos mais vendidos, mais populares e mais acessíveis (geograficamente) à grande maioria de nós. Pelo que o meu artigo foi baseado num produto e no seu conceito, que já todas tivemos oportunidade de conhecer, nem que fosse na loja, e não sobre um que é acessível só e apenas on-line, (exemplo do Nars). Nunca se falou de CS Intense e penso que a culpa seja da imagem da CS Intense no artigo, que entretanto já foi substituída por uma da CS original.🙂

    • Não estava a par disso, que não eram vendidos em Portugal. Ainda não tenho produto nenhum da marca, mas penso que não será difícil encontrar aqui na Alemanha!

Os comentários estão fechados.